QUANDO OS BONS SE OMITEM

QUANDO OS BONS SE OMITEM

QUANDO OS BONS SE OMITEM, OS MAUS ASSUMEM O PODER!
Juízes 9: 1-21

O Texto nos convida para pensar em Qual é nosso papel como cristãos na sociedade que vivemos.

Qual nossa responsabilidade como voz profética em nossa nação, no contexto das mudanças sociais, políticas e econômicas.

Não somos um partido político e nem queremos ser, mas queremos e precisamos SERVIR e ABENÇOAR nossa pátria, pois somos “ O Sal da terra e a Luz do mundo” – Mateus 5:13 e 14.

Primeira Lição – QUANDO OS BONS SE OMITEM…

Convite e desculpa: A OLIVEIRA, A FIGUEIRA E A VIDEIRA – Todos estavam ocupados! A grande ironia da parábola.

A desculpa abriu caminho para o espinheiro impor e colocar suas ideias, e o FOGO da destruição se alastrou.

Dentro de casa (Pai, Mãe e filhos) começa a omissão, Na escola (professores e alunos) a omissão continua, chega no trabalho, no trânsito, na sociedade como um todo, as desculpas para não ASSUMIR o papel da IGREJA.

O RESULTADO é o surgimento do espinheiro, trazendo consigo dores, sofrimento e miséria.

SEGUNDA LIÇÃO – “QUANDO OS MAUS ASSUMEM O PODER”…

A sombra das árvores é benção, mas a sombra espinheiros é maldição.

Abimeleque alugou homens desocupados para comprimir seu anseio de poder.

Os espinheiros não produzem nada, e são úteis para acender o fogo

Precisamos de árvores em todas as esferas de poder de nossa sociedade. São homens e mulheres REGENERADOS e NOVAS CRIATURAS EM CRISTO para fornecer FRUTOS para esta geração cansada dos espinhos que o mundo produz.

A IGREJA NÃO É LUGAR DE OMISSÃO.

Podemos cooperar com a implantação do REINO DE DEUS que já esta em nós e entre nós.
Conto com você para abençoar nossa cidade.

Amém, José Hilton, pr. 04.10.20

 


 

Compartilhar:

Sermões Recentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *